Publicado em 05-02-2013 às 9:29 | por Bruna Rasmussen

Pedaço de pênis mordido vira prova criminal em corte russa

Vítima arrancou parte do membro do agressor usando os dentes.

Prova do crime

Fonte: Reprodução/Austrian Times

Svetlana Serafina, de 25 anos, é gerente de uma sauna – teoricamente, decente e de família – e estava tirando um cochilo no fim do dia quando foi surpreendida por Dmitry Zubarev.

O homem chegou distribuindo socos e arrancando a roupa da garota. Foi então que ele decidiu abaixar as calças e forçar seu pênis na boca de Svetlana. Eis o momento do qual ele se arrependerá para sempre! A garota não pensou duas vezes e arrancou a ponta do membro com os dentes.

Svetlana foi encontrada desmaiada, com o pedaço do pênis ao seu lado, horas depois. Já Zubarev, fugiu desesperado para o hospital. O caso era curioso o suficiente para que os médicos suspeitassem e chamassem a polícia. Dito e feito: ele foi parar na delegacia.

Caso de polícia

Assim que a garota conseguiu entrar em contato com a polícia, a situação foi esclarecida, mas as coisas só pioraram para o rapaz. De acordo com os médicos, seria impossível unir a ponta ao restante do membro e ele teria que se acostumar com seu meio pênis.

Foi assim que uma caixinha contendo um pedaço de pênis mordido foi parar na corte. A policia descobriu que essa não tinha sido a primeira vez que Zubarev quis se aproveitar de alguém e o malandro acabou pegando prisão perpétua – além de ficar só com o “toquinho”.

  • Fontes:


Tags: , , ,






De volta ao topo ↑